domingo, 23 de agosto de 2009

Réquiem - Exilado

[Off] Este personagem é um dos que eu deveria trocar o nome e será feito, assim que a Fic for reeditada. Pois, 'réquiem" vem do latim "requiem" que significa "repouso", "descanso (1.Parte do ofício dos mortos, na liturgia católica, que principia com as palavras latinas requiem aeternam dona eis, ‘dai-lhes o repouso eterno’. 2.Música sobre esse ofício. - Dcionário Eletrõnico Aurélio 5.0).

Na época em que o personagem foi concebido, ele possuia uma magia obscura que era entoada através da flauta que portava: "requiem aeternam dona eis, Domini" (Dai-nos o descanso eterno, Senhor), sendo esse o motivo para o seu nome. A magia pode até continuar, mas o nome não é adequado. Infelizmente, por ora, ainda não me ocorreu nenhum nome que possa fazer jus ao personagem. [/Off]


Filho das Terras Altas, povo festivo e religioso. Bardo e Xamã (ideia emprestada de 'Brumas de Avalom", do personagem Mordred.), canaliza o seu poder através de uma flauta mágica, que era legada aos descendentes de sua tribo que possuissem poderes mediúnicos. Foi o conselheiro-mor da Guardiã das Terras Altas, sendo o mais jovem integrante do Presbitério. Tornou-se grande amigo de Karol e concedeu-lhe asilo político e apoio a sua causa, porém fora traído e capturado juntamente com o General do Norte, sofrendo uma terrível punição: teve a alma separada do corpo, sem morte, e enviado à exílio na Terra, ficando incapacitado de voltar ao seu mundo e permanecer com seus poderes plenos, até que os laços que o prendem ao seu corpo humano se rompam naturalmente.

Um comentário:

Aline Heloise Martins disse...

Adorei a descrição da vida passada do Jozéf e do Enzo! Você bem que podia escrever uma do Imãm!
O blog ta ajudando muito a entender as coisas ^^
Continue escrevendo,
Bjinhus

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sanka - In Memoriam

Sanka - In Memoriam
02/04/1998 - 20/09/2011